Publicado por: Carlos Scomazzon | domingo, agosto 16, 2009

Curso da PUC-SP aborda Comunicação e Movimentos Sociais

Com a proposta central de refletir e compreender os processos de articulação da sociedade civil em fóruns e redes, como estratégias de articulação e mobilização e, em alguns aspectos, de luta pelo direito à comunicação, a PUC-SP, por intermédio de sua Coordenadoria Geral de Especialização, Aperfeiçoamento e Extensão (COGEAE), promove curso sobre Comunicação e Movimentos Sociais, abordando a dinâmica de atuação dos movimentos sociais na civilização tecnológica midiática. Principalmente a partir da segunda metade do século 20, o surgimento dessa civilização marcada pela comunicação e pelas tecnologias implicou mudanças nas formas de mobilização das redes sociais, que passaram a se articular politicamente sob a mediação das redes tecnológicas.

Entre outros aspectos, o curso trata da visibilidade (na mídia ou espaço público) e da invisibilidade (nos momentos de articulação, em que se retiram da cena pública) dos movimentos e das suas estratégias de avanços e recuos em relação à sociedade, em busca de espaço e poder, que subvertem os paradigmas comunicacionais vigentes e determinam novas formas de fazer política. As aulas abordarão a cibercultura – compreendida como categoria de época e considerados todos os seus elementos fundantes -, bem como as suas consequências para a atuação dos movimentos sociais em redes. Trarão relatos das chamadas práticas “glocais” – nem globais, nem locais –, tomando como referência processos e redes que se articulam e mobilizam em momentos visíveis e invisíveis.

O conteúdo do curso promoverá a discussão sobre a conjuntura da luta pelo direito à comunicação e sobre a incorporação das bandeiras históricas dos movimentos na cena pública (inclusive através do tratamento dado a estas pelos meios de comunicação). A programação, porém, não tem caráter exclusivamente prático e, portanto, não provê formação em técnicas de comunicação. O curso busca ainda uma compreensão crítica dos movimentos sociais e incentiva a reflexão sobre a relação entre as suas práticas “glocais”, bem como a produção de análises coletivas sobre a viabilidade de tensão com o glocal e com suas formas de manifestação. Explorará, assim, possibilidades de “resistência comunicativa” criadas e desenvolvidas no âmbito dos movimentos sociais.

Dirigido a profissionais e universitários das áreas de Comunicação, Sociologia, Filosofia, Antropologia, Ciência Política, História, Psicologia, Letras, Artes e Pedagogia, além de pesquisadores das mesmas áreas e dos direitos humanos e redes sociais, o curso tem início em 18 de Agosto e as aulas serão realizadas sempre as terças-feiras, das 19h30 às 22h30, na Unidade COGEAE Consolação, que fica na Rua Consolação, 881 – Consolação – São Paulo. Para mais informações e inscrições, ligue (11) 3124-9600, acesse o site ou envie um e-mail.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: